Quer comprar um projetor? Aqui ficam algumas dicas!

1
3479
Screenshot_11

Adere já ao nosso grupo no Facebook onde poderás tirar as tuas dúvidas!

Cada vez mais muitos utilizadores perguntam por soluções em conta no que diz respeito a projetores. Os valores começam nos 30€ e rapidamente ascendem às várias centenas ou milhares de euros.

A verdade é que quando falamos em projetores devemos ter em conta vários aspetos.

1. Que tipo de Projetor devo comprar?

Esta pergunta deve ser a primeira a fazer. Grosseiramente podemos dividir os projetores em projetores de “bolso” – aqueles que queremos transportar quase diariamente para as nossas palestras, aulas ou pequenas reuniões – que têm por norma baixo nível de brilho – até uns 1.000 lumens – o que vai exigir escuridão total na sala onde é projetado. Exemplo
Os projetores “multimedia” – que serão os mais procurados dada a relação utilidade/preço mas que exigem que estejam relativamente próximos da tela a projetar (alguns até 3/4 metros) mas que são funcionais e versáteis, podendo atingir os 5.000 lumens e dar garantias de que não estarão tão dependentes da iluminação do local.
Exemplo
Os projetores de longa distância que terão que ter lumens perto dos 20.000 para garantir a qualidade de projecção a grandes distâncias – o mais usado em conferências e auditórios.

Para o uso comum diria que um projetor “multimedia” deverá ser a opção, pois são mais baratos do que os projetores de bolso, têm mais lumens, mas apesar de terem menos do que os de longa distância, acabam por servir para um serão de cinema!

 

2. Que resolução preciso?

A resolução é também muito importante. Não só o nível de brilho mas também a capacidade do projetor em projetar imagens de elevada resolução pode ser determinante para a nossa experiência “cinematográfica”.Podemos encontrar projetores com resoluções nativas de 400×600 pixels e que indicam suporte para HD, mas isso apenas quer dizer que o projetor é capaz de receber informação a resoluções de 1920x1080px por exemplo mas que fará o down-scale para 400×600 e será essa a resolução projetada, “estrangando” o potencial do conteúdo a que assistimos. Para a projeção de conteúdos com muito texto, imagens de alta resolução ou mesmo imagens mais “rápidas” usando projetores de baixa resolução pode tornar-se numa dor de cabeça ao fim de umas dezenas de minutos a assistir. Ou seja, torna-se cansativo para os nossos olhos acompanhar a imagem dessa forma, ou esforçando a leitura.
Ainda assim, para projeção de apresentações PowerPoint por exemplo, uma resolução de 800×480 poderá ser suficiente.

Screenshot_1
O aconselhável para várias horas de utilização seguidas, filmes, desporto deverá ser pelo menos de 1280×800 – o HD “parcial”. Para os melhores resultados claro, podemos escolher resoluções FullHD, 4K – embora esta última seja discutível por haver pouco conteúdo realmente 4K para acedermos regularmente.

3. Contraste

Este é um dos aspectos em que mais devemos pensar quando queremos reproduzir filmes, imagens ou emissões de TV, pois teremos uma qualidade de imagem muito melhor e com cores mais definidas. Se as condições de iluminação foram óptimas podemos “descurar” um pouco neste aspecto visto que é influenciado pela iluminação “exterior” ao projetor. Ou seja – o melhor é mesmo ter as cortinas corridas, luzes apagadas e… acção!

Também poderá interessar  [Análise] Tapete SandBerg XXXL - maior conforto na área de trabalho

4. Keystone, o que é isso?

Keystone é um tipo de correcção que podemos fazer para ajustar a imagem projetada. Quando instalamos um projetor devemos, idealmente, fazê-lo de forma paralela à superfície a projetar e deverá também estar o mais horizontal possível – claro que temos de ter em conta que a imagem projetada poderá ter de estar numa altura inferior ao projetor mas para isso é que existe esta correcção.
Esta correcção permite ajustar os topos da imagem, quer a nível horizontal, quer vertical, embora nem todos tenham a opção horizontal.

5. Conectividade e “Extras”

Aqui será fácil. Nos dias de hoje HDMI é “obrigatório” e ficará a vossa critério a escolha de função de reprodução por USB ou outros suportes (SD, mSD). Hvaerá também soluções com VGA, S-Video, Vídeo Composto. Atenção ao comprimento do cabo HDMI… Quanto maior, maior perda de qualidade!

6. Parede? Tela?

Pois… se a qualidade da luz que é projetada é importante, a superfície a projetar também é. A parede deve ser o mais regular possível e dessa forma obtemos resultados… medianos. Se queremos elevar a fasquia devemos comprar uma tela (que pode ser fixa a um tripé, na parede/tecto, e pode até ter um motor para recolhermos e ficarmos de novo com a parede e tudo mais arrumado.

7. Suporte e fixação

Colocar o projetor numa mesa pode ser uma solução mas devemos garantir que está perfeitamente nivelado e temos de ter em conta que estará com os fios a passar pelo meio do nosso espaço e teremos uma certa sensação de desarrumação. O melhor será mesmo investir num suporte de parede ou de tecto e fixá-lo. Desta forma não teremos problemas com vibrações que distorçam a imagem ou a própria focagem da lente.

Também poderá interessar  E porque a semana deve começar bem...

Este “guia” foi feito por mim e em função de alguns conhecimentos que fui adquirindo. Se tiverem alguma dúvida ou sugestão deixem nos comentários.

São os meus conselhos a nível pessoal, não sou nenhum técnico de vídeo/imagem!

Aproveito para deixar aqui algumas opções de projetores, a bons preços!


UNIC UC40

Deverá ter condições de escuridão total para ter bons desempenhos. Já experimentei e tem prestação razoável para o preço.

Resolução de projeção: 800 x 480
Suporte Input: 1080P
Brilho: 800 Lumens
Contraste Ratio: 800:1

Vê aqui a página do produto

1451958797674430364


PRW310

A minha escolha pessoal, e que está a caminho! Suporta HD, bons lumens para o preço. Vamos ver como se comporta!

Vê aqui a página do produto

1460420941260319838


M6

Um projetor compacto com 1.000 lumens. Resolução de 854×480 pixels. Tem o bónus de ter Android 4.4 incluído por isso acaba por ter alguma autonomia (nao precisamos de computador ou android box para enviar o conteúdo). 5.000 mAh de bateria.

Vê aqui a página do produto

1465927021958513770

NOVO! Comenta com o Facebook!

Comentários


Recomendamos a utilização de VPN para encriptar e tornar a tua navegação anónima. Com a IPVanish podes ainda aceder a conteúdos geo-bloqueados! AGORA COM 25% DESCONTO!